DISTRITO DE CAUÉ

S.JOÃO DOS ANGOLARES
RIBEIRA PEIXE
PORTO ALEGRE
ILHÉU DAS ROLAS

O que resta da costa ocidental de São Tomé praticamente só é acessível pelo mar, em barcos de pescadores ou lanchas. Nesse caso, achamos mais prático fazer o passeio através de uma agência de viagens local para aqueles que pretender conhecer o lado mais “selvagem” de São Tomé. E selvagem, aqui, nada tem de preconceito ou de perigoso, antes pelo contrário. Esta é a zona mais pura, mais intocada e onde o homem menos manda é o reino da floresta, do mato cerrado, dos coqueiros desalinhados e das tartarugas que aqui vêm desovar tranquilamente. E se as praias são bonitas: Jalé (onde existe uma tentativa de exploração turística com três bungalows), Xixi, Portinho, Baiã, enfim, uma parada de areais que em que raramente se vislumbra os vestígios de um pé humano calcado na areia.